quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Playlist of the Month 16

Olá amores!

Uma vez mais trago-vos a minha playlist deste mês, como puderão ver já comecei nas músicas de natal, só partilhei uma convosco porque irei fazer um post sobre as músicas de Natal :D.
E vocês já começaram a entrar no espírito natalício?

Com amor,
Catarina <3

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Favoritos de Novembro

Olá amores!

Aqui fica os favoritos de novembro, deixem nos comentários quais os vossos favoritos deste mês.


Favoritos:

Máscara facial Lóreal Detox
Santa Baby Lip Scrub da Lush
Creme de Olhos da Simplex
POREfessional da Benefit
Mary-Lou Manizer da The Balm
Chá de Morango da Twinning
Milky Way Crispy Rolls
Música: Pentatonix

Esqueci de partilhar o livro favorito mas foi Bloom, review aqui.

Com amor,
Catarina <3

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Últimos vídeos no canal!

Olá amores!

Não sei se já acompanham o canal de youtube, caso não acompanhem aqui está o que andam a perder :P. Se não subscreveram ainda, subscrevam vem aí muitos vídeos giros! Temos vídeos todos os sábados às 18h.

Com amor,
Catarina <3

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Review| Bloom by Estée Lalonde


Olá amores!

Hoje venho partilhar convosco um livro que adorei ler este mês (e que por azar dos azares esqueci de mencioná-lo nos favoritos que vai sair este sábado), assim que decidi dar a minha opinião aqui no blog, caso gostem deste tipo de posts digam nos comentários para continuar a fazer.

Livro: Bloom: Navigating Life and Style

Autor: Estée Lalonde

Ano de lançamento: 2016

Editora: Penguin

Preço: 22,95€

Capa: Dura

Sobre: Partilha de momentos, pessoas e coisas que fizeram Estée ser a pessoa que é hoje, basicamente as dicas e lições de vida que ela teve para se encontrar a si mesma.

Opinião:  O que adorei tanto neste livro foi a simplicidade com que a escritora se dirige a nós, não é uma escrita difícil, pelo contrário é bem simples e chega a todos nós, e talvez devido a essa escrita simples faz com que seja tão fácil de ler.
O livro tem 8 capítulos: vida, pessoas, trabalho,beleza, moda, casa, viagens e comida. Notei que se quissesse podia ter começado do fim para o início ou ler um capítulo primeiro e ir saltando, aquilo que fiz foi ler o livro normalmente do início para o fim, mas caso fosse fazer alguma outra maneira não haveria problemas pois ía perceber o seu contexto à mesma.
O que me levou a adorar o livro? Bem, fácil! O que me fez adorar este livro foi o facto de me relacionar com muitas das coisas que ela falou, como ansiedade, sair do seu país e deixar para trás uma parte de si, bulling, etc. Ela falou das experiências que passou na vida desde pequena até quem é agora e isso fez com que me relaciona-se com ela, nunca imaginei que me iria relacionar tanto mas acontreceu. Lembro-me de estar a ler sobre as crises de ansiedade dela e começar a chorar porque pensei "É exactamente assim que me sinto" e ver que realmente há muita gente que não entende o que é a ansiedade e o que as pessoas que sofrem passam. Chorei mas também ri muito. E este livro fez-me abrir horizontes para tentar ao máximo encontrar-me a mim mesma nesta vida. Assim que recomendo imenso este livro.

Passagem do livro: "Life is all abaut balance and I´ve learned that if things in my life are unbalanced, my emotions will be too. I want to live the kind of life that I look back on and think, " Well done for doing whatever the hell you wanted to do." I want to live a life free of limitations and filled with happiness." 
Esta é uma das muitas passagens que adorei.

Com amor,
Catarina <3

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Pedido de perguntas para vídeo


Olá amores!

Como o título indica, venho pedir-vos para deixarem as perguntas que quiserem ver-me a responder nos coemntários para um próximo vídeo, pode ser sobre o tema que quiserem: natal, irlanda, trabalho, escola, etc... estejam à vontade para perguntarem o que quiserem.

Com amor,
Catarina <3

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Dicas para poupar!


Olá amores!

No post de hoje decidi partilhar convosco as minhas dicas para poupar, eu sempre fui aquele tipo de rapariga que achou importante poupar para o que queria, e se vocês tem objectivos de poupar para algo mas não conseguem talvez as minhas dicas vos ajudem. Estas foram as dicas que eu usei neste último ano para poupar para vir para a Irlanda.

Dicas:

1. Fazer uma lista das "dívidas"

Ou seja, fazer uma lista daquilo que vocês têm de dinheiro por mês e das coisas a pagar por mês, pois assim vocês sabem que aquele dinheiro tem de sair todos os meses e que não pode ser esquecido. Podem ver um exemplo na foto abaixo.

2. Estipular o valor a guardar

Depois de vocês subtrairem as vossas despesas ao valor inicial, tem de chegar a um concendo do que vão ter de guardar sem excepção todos os meses!

3. Maneira de guardar

Agora chega a altura de escolher como vão guardar o dinheiro. Banco? Conta poupança? Mealheiro? Eu neste último ano cheguei à conclusão de que a melhor maneira era guardar num mealheiro e foi o que fiz. Porquê? Bem porque ainda não tinha "dívidas" por assim se dizer, ainda vivia na casa da minha mãe e apesar de ajudar não era como agora, e decidi que o mealheiro era melhor pois o cartão de multibanco dá sempre aquela coisa de há eu quero e até tenho o dinheiro por isso vou comprar, enquanto que o mealheiro não era assim (não sei se me faço entender). Agora, tenho uma conta poupança da qual não tenho cartão de multibanco e não posso mexer assim tão facilmente, por isso fica bem guardado.

4. Não esqueçam de deixar algum de parte

Não esqueçam de deixar algum dinheiro de parte para puderem usar durante o mês para o caso de precisarem para comer ou algo assim.

Eu sei que muitos puderam dizer que "ah eu não trabalho por isso não posso poupar", na minha opinião não é bem assim, vocês se receberem dinheiro nos anos ou natal ou noutra ocasião qualquer conseguem adapatar estas dicas para pouparem.
Partilhem nos comentários as vossas dicas para poupar e digam se fazem alguma destas.

Com amor,
Catarina <3

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Review| The Scrub of your Life da Soap & Glory


Olá amores!

Há uns tempos comprei este esfoliante corporal pois estava a precisar de um e como nunca tinha experimentado a marca mas já tinha ouvido falar bem decidi dar uma oportunidade, infelizmente arrependi-me.
Esta é a minha opinião sobre o produto e de como ele funcionou em mim, assim que lembrem-se de que em cada pessoa o produto pode funcionar de maneira diferente, há quem adore este produto, porém para mim é um que não voltarei a comprar, porquê?
Bem, eu não gosto de usar demasiado produto, assim que quando usei pela primeira vez, tirei um pouco e esfoliei a pele, contudo não sentia que estivesse a fazer uma boa esfoliação, depois do banho ainda sentia as peles mortas em mim, o que não deveria sentir e claro que não é uma boa sensação.
Continuei a dar uso ao produto pondo sempre mais quantidade, basicamente para ele esfoliar bem a minha pele tenho de por uma mão cheia de produto (coisa que diz na embalagem, mas que eu achei que era exagero) e então aí faz o seu trabalho, mas um acho que agride um pouco a minha pele sensível e dois o produto acaba mais depressa.
E por estas razões não gostei do produto, quanto ao cheiro não acho forte, a embalagem é normal em rosa e traz a quantidade normal de 200ml, mas da maneira que se gasta o produto acaba num instante.
Do meu ponto de vista não vale o preço que é (10,00€), e não voltarei a comprar.

Com amor,
Catarina <3

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Vida de Emigrante!


Olá amores!

Hoje trago-vos algo bem diferente, nada sobre moda, beleza ou futilidades desse género, provavelmente futilidades de outro género... Como vocês estão fartos de saber eu emigrei este ano, se me perguntarem se é esta a vida que eu queria, vou responder que é e não é! Passo a explicar: desde bem pequena que sempre sentia que não ía ficar para sempre a viver na minha Ilha e que queria conhecer o mundo, minha mãe diz que tenho alma de emigrante, talvez sim, talvez não.
A vida de emigrante não é fácil, podemos dizer que se ganha mais a nível monetário e temos maior puder de compra como nunca imaginei, mas perdemos tanto, ou pelo menos eu sinto isso. A verdade é que sempre que dizia que queria emigrar nunca pensei que fosse ser tão díficil para mim, mas a verdade é que deveria ter previsto que ía, afinal sou demasiado apegada à família e sou super esquisita para comer, assim que realmente estes três meses não foram de fácil adaptação.
Sinto falta da minha família, até das tontas discussões que havia por coisas tão parvas que só me frustravam mas que agora quando ligo para casa e oiço a brigarem por coisas tontas, fico com um sorriso na cara e dá-me saudades. Não há palavra tão grande de sentimento como esta: saudade!
Saudades da família, saudades da nossa comida, saudades dos abraços, saudades das discussões, saudades das coisas mais parvas que se possa imaginar, mas a saudade está sempre presente no meu dia a dia.
Agora perguntam-me se quero voltar à terra, claro que sim, mas continuo a querer esta vida de tortuosa saudade, ou seja, aqui estou a ter oportunidade de crescer, oportunidade de ajudar a minha família (algo que sempre quis), oportunidade de expandir o meu conhecimento, oportunidade de encontrar algo na minha área que que realmente dê valor ao trabalho (óbvio que nem sempre acontece, mas vale a pena tentar).
Perguntam-me se recomendo as pessoas/os jovens a emigrarem. A minha resposta é a seguinte: a vida de emigrante não é para todos, se no teu coração sabes que consegues aguentar as saudades porque tens um objectivo maior que esse sentimento, e realmente sabes que é isso que queres força, vai em frente, mas se achas que não consegues, que não é vida para ti, então segue o teu coração!
E então pareço que estou a falar e a contradizer-me em tudo, é difícil, nunca pensaste que seria assim, sentes saudades mas mesmo assim farias tudo novamente, não te entendo Catarina! É o que devem estar a pensar, certo?
Bem, sim esta vida não é como eu imaginei a nível de saudades e assim, pois quando imaginava, pensava não vai ser assim tão mau, e não é mas claro que as saudades batem sempre no nosso coração, mas a minha vontade de continuar aqui e aproveitar todas as oportunidades que esta nova etapa de vida me oferece é maior que a saudade e por essa razão é que digo só vem para esta vida quem está talhado para ela, porque há pessoas que não conseguem aguentar as saudades e desanimam logo no início da jornada e aí é que se vê se consegue ou não. Eu sei que ainda estou bem fresca nesta vida de emigrante mas acredito que a minha vontade é maior que a minha saudade, pois sei que tenho a força da minha família comigo, a força dos que já não estão comigo fisicamente e a força de vencer que sempre fez de mim a pessoa que sou!
Quero aproveitar para vos pedir um favor, deixem perguntas nos coemntários sobre dúvidas que tenham ou coisas que queiram saber sobre emigrar e assim para responder num vídeo.
Desculpem este texto enorme mas estava a sentir que tinha de escrever isto e porque não no blog que é o meu cantinho especial!?

Com amor,
Catarina <3

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Um pedido assim para o diferente!


Olá amores!

Hoje venho pedir a vossa ajuda, eu adoro ler, os meus géneros preferidos são os romances e ficção, porém gostava imenso de começar a ler outro tipo de livros, mas em especial aqueles de ajuda, tipo para ajudar a controlar a ansiedade e assim, não sei se me faço perceber, mas gostava de dar uma oportunidade a esse tipo de livros, recentemente li um livro com que me identifiquei imenso e ajudou-me um pouco, esse livro chama-se Bloom escrito pela Estée Lalonde, e adorava ler mais livros assim, por essa razão peço-vos que se souberem de livros que eu possa vir a gostar desse género deixem nos comentários.
Desde já obrigada a todos!

Com amor,
Catarina <3

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Review| Máscara Pra Bombar da Novex


Olá amores!

Hoje venho dar-vos a minha opinião sobre está máscara que vos apresentei aqui, assim que este post será só mesmo a minha opinião sobre o produto, visto que todas as informações sobre este menino estão nesse post.
Estou a usar esta máscara há mais de dois meses e já entrou nos meus favoritos, este produto hidrata bastante o meu cabelo, deixando-o super sedoso, macio e com um brilho natural muito bonito, eu uso sempre uma vez por semana, deixando-o actuar durante 10 minutos e noto logo as diferenças.
Porém aquilo que eu queria mais testar neste produto era se realmente ajudava o meu cabelo a crescer mais rápido, pois infelizmente o meu cabelo cresce bem devagar. E muito sinceramente, no início achei que estava a ajudar o cabelo a crescer, mas depois com maior teste e mais atenção, o que reparei foi que ela ajuda aqueles cabelos que estão a nascer a se desenvolverem mas não faz milagres no aceleramento do processo de crescimento do cabelo, contudo é das melhores máscaras que já usei e faz uma excelente hidratação ao cabelo, deixando-o como gosto.
Recomendo imenso este produto se querem uma boa hidratação no cabelo.

Com amor,
Catarina <3 

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Inspirational Monday!


Olá amores!

Para começar bem a semana, mais uma frase para reflectir e dar forças. Espero que o vosso fim de semana tenha sido excelente e que a semana seja ainda melhor!

Com amor,
Catarina <3

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Discovering Ireland 2

Olá amores!

Hoje mostro-vos um lugar onde gosto de ir comer cá na Irlanda, até agora foi o único lugar que encontrei de jeito para se comer e mesmo assim nada se compara à comida madeirense, porém se vierem cá de visita recomendo irem ao The Forty Foot em Dun Laoghaire.
Tem vários pratos por preços razoáveis, vem bem servido e é um lugar acolhedor, tem uma parte para fumadores e dois andares onde podem escolher à vontade onde comer.
Os empregados só vão à mesa por a comida, assim que vocês decidem o que querem vão ao balcão pedir e quando lá vão tem de dizer o número da mesa, pedem a vossa bebida e menu e esperam um pouco até estar pronto e virem servir.
Já lá fui 3 vezes desde que cá estou e sempre fui bem servida, recomendo imenso o prato de carne deles, já o salmão não acho que seja o forte deles (penso que faço um melhor).
Mas de resto é um lugar que gosto de ir e que recomendo.

Com amor,
Catarina <3






quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Outfit| Fall in leaves

Olá amores!

Hoje venho mostrar-vos um look que fiz com algumas das compras que vos mostrei neste vídeo e com a bolsa que a minha mãe me mandou e falei neste post.
Aqui as folhas já estão a cair e o frio a chegar mas neste dia até que estava bem agradável, é um look simples mas confortável e a minha cara por completo.
Espero que gostem!

Com amor,
Catarina <3



Camisola - Primark; Leggings - ZARA; Bolsa - Parfois; Botas - Tino Gonzalez